Especialidade de Aeromodelismo Respondida - Desbrava7 | Especialidades Respondidas | Desbravadores

Especialidade de Aeromodelismo Respondida

em 14/09/2022

Antes de ir conferir a Especialidade de Aeromodelismo Respondida, leia com atenção a seguir:

1. Não entregue o relatório sem estudar, eu quero ajudar vocês, mas a intenção nunca foi investir pessoas que não merecem ser investidas.

2. No final da página se encontra todas as fontes de pesquisa, para se aprofundar mais sobre os assuntos, dê uma olhada.

3. Revise as respostas, nem sempre acertamos, acontece um erro aqui, outro ali.

Agora pode ir conferir a especialidade e adicionar mais uma na faixa!

Especialidade de Aeromodelismo

Especialidade de Aeromodelismo Respondida



1. Montar, a partir de um kit, e fazer voar com sucesso um aeroplano de madeira leve, papel de seda e borracha ou outro material movido à gasolina.

Parte prática.

2. Montar um planador a partir de um kit, observar suas características de vôo e sua relação com as posições variáveis das asas.

Parte prática.

3. Montar e fazer voar, com sucesso, dois diferentes estilos de aeroplanos usando folhas de papel entre 20 e 35 centímetros de comprimento e largura.

Parte prática.

4. Definir, localizar e explicar o uso dos seguintes itens básicos:

a) Fuselagem.
R: Estrutura de forma aproximadamente aerodinâmica que abriga a tripulação, passageiros ou carga, e à qual são fixadas as asas, as superfícies da cauda, e onde são montados os motores da maioria das aeronaves.

b) Asa.
R: Uma asa é um dispositivo mecânico destinado à sustentação aerodinâmica. As asas estão presentes na maioria dos aparelhos com capacidade para voar, como os aviões. Para que uma asa produza "sustentação", ela deve ter um ângulo de ataque relativo ao fluxo de ar, fazendo com que o ar seja defletido para baixo.

c) Leme.
R: O leme é a parte móvel do estabilizador, a "asa" vertical que fica na cauda do avião e é responsável por evitar guinadas aerodinâmicas. O leme permite alterações no curso do avião

d) Estabilizador horizontal.
R: É uma estrutura aerodinâmica móvel incluída na empenagem do avião, cujo objetivo é controlar a estabilidade longitudinal e direcional. O estabilizador pode conter mais uma parte móvel chamada de profundor.

e) Tirante.
R: Consiste de uma estrutura de tubos de aço soldados ou rebitados, ou encastrados entre si em séries de quadros ou triângulos. Os tubos que correm ao longo da fuselagem são as longarinas. As ligações entre as longarinas chamam-se tirantes.

f) Cockpit.
R: A cabine de pilotagem ou cabine de comando, é uma área usualmente situada na parte dianteira de uma aeronave, de onde os pilotos a controlam.

g) Motor.
R: Significa um motor que é usado ou que se pretende usar para propelir uma aeronave. Inclui turbo alimentadores, dispositivos e controles necessários ao seu funcionamento, mas exclui hélices e rotores.

h) Trem de pouso.
R: Infra-estrutura que suporta o peso de uma aeronave quando em contato com o solo ou com a água, e em geral contém um mecanismo para a redução do choque de pouso. O termo abarca também as rodas principais de pouso, a roda de cauda (bequilha), o patim da cauda, etc.


i) Hélice.
R: É a responsável por converter o movimento rotativo de um motor aeronáutico ou outra fonte mecânica em propulsão. É composta de um cubo motorizado, que é ligado a várias pás no formato de um aerofólio, de forma que toda a hélice gire em um eixo longitudinal.

Especialidade enviada pela Melissa. ♥

Gostou do conteúdo? Compartilhe para alcançar mais pessoas!



Nenhum comentário:

Deixe um comentário. ♡