Especialidade de Produção de Vídeo Respondida - Desbrava7 | Especialidades Respondidas | Desbravadores

Especialidade de Produção de Vídeo Respondida

em 12/03/2021

Especialidade de Produção de Vídeo, se você não tem, vem conferir e não esquece de compartilhar com seus amigos, a divulgação de vocês me ajuda muito!


Especialidade de Produção de Vídeo.


1. Saber quais são os tipos de fitas vídeos disponíveis atualmente. Saber diferenciar as fitas VHS, miniDV, super 8 e HI8.

Analógicos: VHS , VHS-C , Super VHS , Super VHS-C, 8 mm e Hi-8.

Digitais: Mini DV, DVD e HDD.

VHS: O VHS padrão é o formato de vídeo analógico utilizado pela maior parte dos modelos de videocassetes (VCR). A principal vantagem é que, logo após a filmagem, você pode tirar a fita colocá-la no videocassete para ver o que foi gravado. Elas guardam entre 60 a 90 minutos de imagens. A desvantagem está no tamanho da fita, que obriga as câmeras a serem grandes. Além disso, a resolução da imagem é de 230 a 250 linhas horizontais.

Mini DV: As câmeras do formato Mini DV são muito compactas e cabem na palma da mão. Elas têm qualidade de imagem superior às analógicas chegando, a 520 linhas de resolução horizontal. Podem ser conectadas aos computadores para a transferência de imagens e, além disso, tiram fotos como câmeras fotográficas digitais.

Super-8: É um filme reversível, ou seja, filmado e revelado como imagem positiva num mesmo material (ao contrário do padrão negativo/positivo da maioria dos sistemas de fotografia e cinema).

2. Identificar as seguintes partes de uma câmera de vídeo e saber como usá-las:

a) Visor.
b) Botão de gravação.
c) Lentes.
d) Botão de zoom.
e) Botão de ligar e desligar.
f) Foco manual e anéis de zoom.
g) Compartimento para colocar a fita, dvd ou cartão de memória.




3. Identificar os símbolos do menu da filmadora.

Item prático.

O desenho difere entre as filmadoras, mas são pequenos detalhes, caso não saiba identificar, é só olhar o manual da sua filmadora, ela vem com a explicação de cada um.

Caso não tenha filmadora, dê uma olhada nesse manual.

4. Identificar e trocar a bateria da filmadora. Saber o momento de recarregar a bateria e como fazê-lo. Quais os procedimentos para que uma bateria de níquel-cádmio dure o máximo possível e quais os cuidados que devemos ter com baterias quando descartadas?

R: A bateria de níquel-cádmio é uma bateria secundária, ou seja, é recarregável, e pode ser reutilizada várias vezes, podendo ser reutilizada cerca de 4 mil vezes.

Assim para que esse tipo de bateria dure o máximo possível é necessário:
· Armazenar as baterias em local fresco.
· Evitar deixar a baterias exposta ao Sol ou dentro do carro fechado sob Sol.
· Não usar aparelhos com baterias em locais muito quentes.
· Evitar descarregar completamente as baterias.
· Deixar as baterias carregando sempre que possível. Os carregadores modernos desligam automaticamente quando detectam que a bateria já está carregada.
· Manter as entradas de ar do aparelho desobstruídas.
· Evitar os chamados carregadores ultra rápidos que carregam a bateria em menos de uma hora. Pois quanto mais lenta a carga, mais a bateria irá durar.
· Recarregar as baterias periodicamente.

Cumpra a parte prática do item para conclui-lo.
 
5. Identifique outras fontes de energia de uma filmadora.

R: Além das baterias para câmeras, é existente uma variedade de fontes de alimentação. Exemplo dessas outras fontes de energia de uma filmadora são: placas opcionais, adaptadores e complementos criativos.

6. Fazer uma filmagem de uma reportagem do seu clube ou igreja de 5 minutos e depois assisti-la com seu instrutor. Discutir sobre sua técnica, incluindo pontos a seguir e corrigindo erros, se necessário:

Item prático.

a) Zoom.
b) Iluminação.
c) Movimento panorâmico.
d) Firmeza da câmera.

7. Saber utilizar um tripé em diferentes tipos de relevo.

Item prático.

8. Editar sua reportagem do item 6 usando um aparelho de VCR, se filmado em fita, ou usando programa de computador, se filmado em dvd ou cartão de memória.

Item prático.

9. Saber como fazer legendas. Criar sua própria legenda e usá-la em sua reportagem do item 6.

Item prático. (Qualquer editor tem a opção de legendar o vídeo).

10. Completar um dos projetos a seguir e apresentá-lo num local público. A duração do vídeo deve ser de 4 a 7 minutos.

Item prático.

a) Parábola.
b) Vídeo clipe (musical).
c) História da Bíblia (teatro, fantoches, etc.).
d) Natureza.
e) Dilemas da vida moderna.
f) Comercial para um programa ou publicação da igreja, etc.

11. Ter o conhecimento dos equipamentos necessários, programas para computador e quantidade de pessoas envolvidas para a transmissão de um culto ao vivo em um telão.

Item prático.


12. Quais são os tipos de mídias usados em computador para reprodução de vídeos e quais os formatos mais comuns em que são gravados?

R: Os tipos de mídias mais usados em computador para reprodução de vídeo são: Windows Media Player, Winamp, Media Player Classic Home Cinema, RealPlayer, VLC Media Player, dentre outros.

Os formatos mais comuns em que são gravados são: MP4 (.mp4), AVI (Audio Video Interleave), WMV/WMA (Windows Media Video/Audio), MOV (.mov), FLV (.flv), RM (.rm), RMVB (.rmvb), MKV (.mkv ou .mks), 3GP (.3gpp), dentre outros.

-- --

Especialidade enviada pela desbravadora Gabi Ramos, obrigada pela contribuição. 
Se você também quiser colaborar com o D7 enviando alguma especialidade que ainda não tem no blog, é só enviar para o e-mail desbrava7blog@hotmail.com

Se inscreva no canal e fique por dentro de todo conteúdo!


Baixe a Especialidade.
Clique AQUI e baixe a especialidade SEM RESPOSTAS.
Clique AQUI e baixe a especialidade COM RESPOSTAS.

Lembre de adicionar suas respostas ao relatório, fiz ele no word para que você pudesse editar do seu jeitinho. Qualquer dúvida, me procurem!

Um comentário: