Especialidade de Energias Renováveis Respondida - Desbrava7 | Especialidades Respondidas | Desbravadores

Especialidade de Energias Renováveis Respondida

em 4/06/2019

Especialidade-de-Energias-Renovaveis-Respondida
Especialidade de Energias Renováveis, se você não tem, vem conferir e não esquece de compartilhar com seus amigos, a divulgação de vocês me ajuda muito!

Especialidade de Energias Renováveis.



1. O que são energias renováveis? Qual é o seu papel na conservação do meio ambiente?

R: É aquela que vem de recursos naturais que são naturalmente reabastecidos, como sol, vento, chuva, marés e energia geotérmica. É importante notar que nem todo recurso natural é renovável, por exemplo, o urânio, carvão e petróleo são retirados da natureza, porém existem em quantidade limitada. Seu papel é nos ajudar a preservar os recursos limitados nos aproveitando dos recursos livres que temos.

2. Defina os seguintes tipos de energia, citando as vantagens e desvantagens para cada um deles:

a) Energia solar.
R: É um termo que se refere à energia proveniente da luz e do calor do Sol.

Vantagens: A energia solar não polui durante seu uso, ela é renovável, ou seja, nunca acaba, é uma energia limpa, ou seja, não gera poluentes para o meio ambiente, baixo custo de manutenção dos equipamentos usados, é uma excelente fonte de energia em locais não atendidos por outras energias e o equipamento pode ser instalado em residências, baixando o custo da conta de energia elétrica.

Desvantagens: Em dias de chuva ou com baixa incidência de sol (dias nublados) diminui a geração de energia. No período da noite não ocorre a produção de energia e O custo para compra e instalação dos equipamentos ainda é alto no Brasil.

b) Energia eólica.
R: É a transformação da energia do vento em energia útil, tal como na utilização de aero geradores para produzir eletricidade, moinhos de vento para produzir energia mecânica ou velas para impulsionar veleiros. Entre suas principais vantagens podemos mencionar que: É uma tecnologia inesgotável, não emite gases poluentes e não gera resíduos, os parques eólicos podem ser utilizadas também para outros meios, como a agricultura e a criação de gado, é uma das fontes mais baratas de energia, podendo competir em termos de rentabilidade com as fontes de energia tradicionais, não requer uma manutenção frequente, uma vez que sua revisão é semestral e Em menos de seis meses o aero gerador recupera a energia que foi gasta para ser fabricado.

No entanto, suas desvantagens não podem ser esquecidas, como é preciso um fenômeno da natureza para funcionar, às vezes a energia não é gerada em momentos necessários, o que torna difícil a integração da produção dessa tecnologia, pode ser superada pelas pilhas de combustível (H2) ou pela técnica da bombagem hidroelétrica, os parques eólicos geram um grande impacto visual devido aos aero geradores, causa impacto sonoro, pois o vento bate nas pás produzindo um ruído constante de aproximadamente 43 decibéis, tornando necessário que as habitações mais próximas estejam no mínimo a 200 metros de distância e pode afetar o comportamento habitual de migração das aves.

c) Hidrogênio.
R: É a energia que se obtém da combinação do hidrogênio com o oxigênio produzindo vapor de água e libertando energia que é convertida em eletricidade.

Vantagens: um grande volume de hidrogênio pode ser facilmente armazenado de várias maneiras diferentes. O hidrogênio também é considerado como um combustível de alta eficiência e baixo poluente que pode ser usado para transporte, aquecimento e geração de energia em locais onde é difícil usar eletricidade. Em alguns casos, é mais barato enviar hidrogênio por dutos do que enviar eletricidade por longas distâncias em fios.

Desvantagens: A necessidade da utilização de metais nobres como, por exemplo, a platina que é um dos metais mais caros e raros no nosso planeta; O elevado custo atual em comparação com as fontes de energia convencionais; A elevada pureza que a corrente de alimentação hidrogênio deve ter para não contaminar o catalisador; Os problemas e os custos associados ao transporte e distribuição de novos combustíveis como, por exemplo, o hidrogênio e Os interesses econômicos associados às indústrias de combustíveis fósseis e aos países industrializados.

d) Biocombustíveis.
R: É o combustível de origem biológica não fóssil. Normalmente é produzido a partir de uma ou mais plantas. Todo material orgânico gera energia, mas o biocombustível é fabricado em escala comercial a partir de produtos agrícolas como a cana-de-açúcar, mamaona, soja, canola, babaçu, mandioca, milho, beterraba ou algas.

Vantagens: Além de permitirem reduzir a dependência energética em relação aos combustíveis fósseis, os biocombustíveis são produzidos a partir de plantas que absorvem CO2 e permitem a produção de combustíveis que não emitem gases com efeito de estufa, os principais responsáveis pelo aquecimento global.

Desvantagens: a produção de biocombustíveis consome muita energia e baseia-se em culturas intensivas, que produzem um gás com efeito de estufa, o óxido de azoto, que também tem efeitos no aquecimento global. Além disso, muitas das terras utilizadas para o cultivo das plantas eram anteriormente regiões com grande capacidade de absorção de CO2, como é o caso das florestas tropicais. Para ter uma ideia da extensão e do impacto dos efeitos perversos dos biocombustíveis, basta analisar a desflorestação da América Central e da Ásia. Outras desvantagens apontadas dizem respeito à poluição provocada pelas culturas intensivas, ao elevado consumo de água e à perda da diversidade biológica e dos habitats alimentares.

e) Energia hidráulica.
R: É o aproveitamento da energia cinética contida no fluxo de massas de água.

Vantagens: É uma energia renovável, isto é, que não se esgota, a sua fiabilidade e a resposta às variações de procura são elevadas, o seu custo de produção é baixo, não polui o ambiente, proporciona desenvolvimento local (estabelecimento de vias fluviais, construção de vias de comunicação, fomento de atividades de lazer e de turismo, etc) e permite uma forma de abastecimento local para regadios, etc.

Desvantagens: Pode provocar o deslocamento de populações ribeirinhas e o alargamento de terra (dependendo, claro, do tipo de relevo e da região onde se localiza o empreendimento), a sua construção exige a formação de grandes reservatórios de água que acabam por provocar profundas alterações nos ecossistemas, elevados custos de instalação e de desativação e provoca a erosão de solos, os quais consequentemente afetam a vegetação local.

f) Energia maremotriz.
R: É o modo de geração de energia por meio do movimento das marés. Dois tipos de energia maremotriz podem ser obtidos: energia cinética das correntes devido às marés e energia potencial pela diferença de altura entre as marés alta e baixa.

Vantagens da energia das marés: Trata-se de uma fonte de energia renovável e limpa, os riscos ao meio ambiente são mínimos, o volume de água do mar é grandioso, o que permite a geração de uma grande quantidade de energia elétrica e depois de instalados, a manutenção dos equipamentos geradores de energia não exige muitos investimentos.

Desvantagens da energia das marés: A geração de energia das marés depende do vento e das condições do mar e, portanto, não há certeza de que os resultados serão positivos, é necessário um alto investimento para instalação dos equipamentos para geração da energia maremotriz, necessidade de instalações reforçadas para suportar tempestades e só é possível instalar centrais de captação de energia das marés em locais que atendam 100% das exigências geomorfológicas.

g) Energia azul.
R: É a energia obtida da diferença de concentração de sal entre a água do mar e a do rio com o uso de eletrodiálise reversa (EDR) (ou osmose) com membranas específicas para cada tipo de íons.

Vantagens: Esta técnica utilizada para a obtenção da energia azul também é classificada como totalmente ecológica, uma vez que se origina de uma fonte renovável e não resulta em emissão de dióxido de carbono.

Desvantagens: O principal desafio enfrentado pela energia azul no momento é a inviabilidade econômica, sobretudo no que diz respeito à utilização das membranas. Uma membrana mais barata, feita de polietileno modificado, já está em estudo e deve permitir a utilização comercial da energia azul.

h) Energia geotérmica.
R: É a energia adquirida a partir do calor que provêm da Terra, mais justamente do seu interior.

Vantagens: É uma energia renovável (não se esgota), tem elevada eficiência energética com baixa emissão de CO2, é bastante fiável e a resposta às variações de procura é elevada, reduzida alteração e utilização dos solos, não está condicionada pelas condições meteorológicas e proporcionadora de desenvolvimento local.

Desvantagens: Escassez de locais com elevado potencial geotérmico, rápido esgotamento dos recursos, poluição atmosférica e sonora na região, cheiros desagradáveis provocados pelo H2S e elevados custos de instalação e operação.

3. O que é energia não renovável? Como esse tipo de energia pode prejudicar o meio ambiente?

R: É um tipo de energia esgotável, que pode se originar de combustíveis fósseis (petróleo, gás natural e carvão mineral) e urânio, utilizado na energia nuclear. A energia não renovável também é considerada um tipo de energia suja, pois causa prejuízos ao meio ambiente e também ao homem, como a destruição de ecossistemas, aquecimento global, chuva ácida, efeito estufa, dentre vários outros problemas.

4. Qual o papel da energia solar na obtenção de outros tipos de energia?

R: Energia solar é um termo que se refere à energia proveniente da luz e do calor do Sol. É utilizada por meio de diferentes tecnologias em constante evolução, como o aquecimento solar, a energia solar fotovoltaica, a energia heliotérmica, a arquitetura solar e a fotossíntese artificial. Tecnologias solares são amplamente caracterizadas como ativas ou passivas, dependendo da forma como captura, converte e distribui a energia solar. Entre as técnicas solares ativas estão o uso de painéis fotovoltaicos e coletores solares térmicos para aproveitar a energia. Entre as técnicas solares passivas estão a orientação de um edifício para o Sol, a seleção de materiais com massa térmica favorável ou propriedades translúcidas e projetar espaços que façam o ar circular naturalmente.

5. Para algumas energias renováveis a localização da usina é um fator de grande influência no rendimento. Como essa localização pode influenciar no rendimento?

R: Podemos usar o exemplo da energia eólica e solar. É de extrema importância a instalação de usinas em planaltos e planícies com grande ocorrência de ventos. O mesmo ocorre com as usinas de energia solar onde o local deve ser propicio para maior hora de sol como também incidência de dias ensolarados mais constantes.

6. Que impactos sociais e ambientais podem ser causados pela implementação de usinas de algumas energias renováveis?

R: Os impactos ambientais provocados pela construção de uma usina hidrelétrica são irreversíveis. Apesar das usinas hidroelétricas utilizarem um recurso natural renovável e de custo zero que é a água, "não poluem" o ambiente, porém alteram a paisagem ocorrem grandes desmatamentos provocam prejuízos à fauna e à flora, inundam áreas verdes, além do que muitas famílias são deslocadas de suas residências, para darem lugar à construção dessa fonte de energia. Durante a construção de uma usina hidrelétrica muitas árvores de madeira de lei são derrubadas, outras são submersas, apodrecendo debaixo d'água permitindo a proliferação de mosquitos causadores de doenças. Muitos animais silvestres morrem, por não haver a possibilidade de resgatá-los.



7. Escolha uma usina de uma energia renovável que esteja em atividade e faça um relatório contendo o seguinte:

a) Nome e localização.
Usina Hidrelétrica de Itaipu.

b) Capacidade de geração de energia.
Em 2016, a usina de Itaipu Binacional realizou um feito histórico ao produzir, em um único ano calendário, mais de 100 milhões de MWh de energia limpa e renovável. No total, em 2016, foram produzidos 103.098.366 MWh de energia.

c) Tipo de energia.
Hidroelétrica (tira energia da água).

d) Vantagens e desvantagens do tipo de energia.
Vantagens: É uma energia renovável, isto é, que não se esgota, a sua fiabilidade e a resposta às variações de procura são elevadas, o seu custo de produção é baixo, não polui o ambiente, proporciona desenvolvimento local (estabelecimento de vias fluviais, construção de vias de comunicação, fomento de atividades de lazer e de turismo, etc) e permite uma forma de abastecimento local para regadios, etc.

Desvantagens: Pode provocar o deslocamento de populações ribeirinhas e o alargamento de terra (dependendo, claro, do tipo de relevo e da região onde se localiza o empreendimento), a sua construção exige a formação de grandes reservatórios de água que acabam por provocar profundas alterações nos ecossistemas, elevados custos de instalação e de desativação e provoca a erosão de solos, os quais consequentemente afetam a vegetação local.

e) Impacto ambiental e social da implementação.
Ambiental: Com o fechamento das eclusas da barragem de Itaipu, uma área de 1.500 km2 de florestas e terras agriculturáveis foi inundada. A cachoeira de Sete Quedas, uma das mais fascinantes formações naturais do planeta, desapareceu. Semanas antes do preenchimento do reservatório, foi realizada uma operação de salvamento dos animais selvagens, denominada Mymba kuera (que em guarani quer dizer "pega-bicho"). Equipes de voluntários conseguiram capturar mais de 4.500 bichos, entre macacos, lagartos, porcos-espinhos, roedores, aranhas, tartarugas e diversas espécies. Esses animais foram levados para as regiões vizinhas protegidas da água.

Social: Durante a instalação da Itaipu, foi necessária a desapropriação de 42.444 pessoas, das quais 38.440 eram trabalhadores(a) do campo, o que gerou inúmeros problemas sociais. Parte dessas famílias viviam às margens do Rio Paraná e foram desalojadas, a fim de abrir caminho para a represa. Algumas se refugiaram na cidade de Medianeira, uma cidade não muito longe da confluência dos rios Iguaçu e Paraná. Algumas dessas famílias vieram, eventualmente, a ser membros de um dos maiores movimentos sociais do Brasil, o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra.

8. Pesquise e pratique, pelo menos, 3 formas de economizar energia em seu lar, escola ou trabalho.

R: Não deixar as luzes dos cômodos desocupados acessa, não gastar muito tempo na tomando banho com água quente e não deixar eletroeletrônicos ligados se não estiverem em uso.

9. Segundo Apocalipse 11:18, qual é o futuro dos que destroem a terra?

R: Serão destruídos.

Especialidade enviada pela desbravadora Thayres, obrigada! 

Qualquer dúvida, deixem nos comentários.

Se inscreva no canal e fique por dentro de todo conteúdo!


Baixe a Especialidade.
Clique aqui e baixe a especialidade SEM RESPOSTAS.
Clique aqui e baixe a especialidade COM RESPOSTAS.

Lembre de adicionar suas respostas ao relatório, fiz ele no word para que você pudesse editar do seu jeitinho. Qualquer dúvida, me procurem!

2 comentários:

  1. Gostei muito
    Me ajudou bastante
    #somos todos desbravadores

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. AAA que bom, fico feliz em ler isso, é um prazer ajudar! ♥

      Excluir